MISSÃO

Promover formação de excelência fundamentada no conhecimento, no trabalho, no afeto e na autonomia.

VISÃO

A Escola deverá se assumir como uma comunidade viva e vibrante, reconhecida pela qualidade do seu desempenho no ensino e comprometida em criar e manter as condições para que seus estudantes vivenciem uma jornada intelectual, social e pessoalmente transformadora.

FILOSOFIA

Numa perspectiva sociocultural, para o Colégio João Paulo I, educar é integrar o indivíduo no seu contexto cultural, por meio da transmissão dos modos de fazer e simbolizar a sociedade à qual pertence, podendo com ela interagir.

A filosofia que nos fundamenta concebe a Educação numa perspectiva humanizadora, pois o aprimoramento intelectual leva o indivíduo ao conhecimento da realidade e o faz perceber, mediante uma consciência crítica, que essa mesma realidade pode ser organizada de forma clara, coerente e original, fruto do trabalho.

O processo educacional é eminentemente dinâmico, posto que a formação e a elaboração da cultura e do conhecimento, adquirido por meio das informações, está em contínua transformação. Visto que as mudanças processam-se de forma acelerada, essa transmissão deve ter um caráter inovador, promovendo não apenas uma adaptação do indivíduo às modificações, mas também levando-o a tornar-se um elemento interferidor e propulsor da própria cultura.

Para isso, é necessário, segundo Paulo Freire, que o estudante evolua do estágio da consciência mágica para o da consciência crítica. Esta caracteriza-se pela sua profundidade de interpretação do real, pela prática do diálogo, pelas revisões contínuas de posições, pela participação no processo histórico, pela reflexão racional, pelo desejo de edificação, pela autodescoberta e pelo reconhecimento do trabalho como transformador da realidade.

diálogo, pelas revisões contínuas de posições, pela participação no processo histórico, pela reflexão racional, pelo desejo de edificação, pela autodescoberta e pelo reconhecimento do trabalho como transformador da realidade.

A escola, a partir dessa concepção filosófica, é um espaço social onde o construir da educação do indivíduo não pode perder de vista as ansiedades e os conflitos inerentes à própria transformação física e psicológica por que ele está passando. No entanto, não deve prescindir de objetivos claros no momento da transmissão de conhecimentos necessários ao aprimoramento intelectual.

Assim sendo, o projeto pedagógico do Colégio João Paulo I está comprometido com uma formação escolar que se caracteriza pela intencionalidade, sistematização e organização de conteúdos de ensino, de forma a preparar o educando para a apreensão do conhecimento, a responsabilidade, a liberdade, o trabalho, a solidariedade e a cidadania. O currículo terá em vista a garantia da universalização do saber e de sua socialização, elevando o nível de compreensão por parte do alunado, e a do fim maior da educação: o pleno desenvolvimento da pessoa, seu preparo para o exercício da cidadania e sua qualificação para o trabalho.